Chef Marco Espinoza inaugura o Kinjo – primeiro restaurante Nikkei no Rio de Janeiro

Kinjo em Copacabana ( RJ)

Novo restaurante no Rio de Janeiro apresenta a culinária peruana com um toque japonês. Essa é a proposta do Kinjo – Peruvian & Japanese Food, que tem a assinatura do chef peruano Marco Espinoza, e que acaba de abrir as portas no tradicional bairro de Copacabana.

“O Kinjo será dedicado à gastronomia Nikkei, fusão culinária que combina ingredientes clássicos e de alta qualidade, transformando os pratos peruanos ao usar sabores e técnicas japonesas”, explica Marco Espinoza.

Para uma experiência completa no novo restaurante comece escolhendo um dos drinques autorais, como: Smoked Bourbon – Jack Daniels, dranbuie e canela; Kinjo – saquê, polpa de manga, xarope de pimenta e gengibre; Coffee Martini – café, rum, baunilha e xarope; ou o Frozen Tea – suco de laranja, tequila, maracujá, xarope e chá.

O cardápio da casa é amplo e variado. Para começar, sashimis servidos com 4 peças, e Classic Nigiris, servidos com 2 peças. Destaque para o Sashimi Moriawase – degustação de variedade de peixes e frutos do mar. Os tradicionais Ceviches também são boas opções, como o Clássico Kinjo – peixe branco, lula, leite de tigre e batata camote; e o Kunsei – atum na brasa, cebolinha, nori crocante e molho ponzu.

Entre as duplas exclusivas, destaque para os Nigiris Kinjo Style, como o Andino – atum, aji amarelo, togarashie e quinoa; o Hoteta truffel – vieira, trufa, sal maldom e limão; e o Niku Ovo – mignon selado, molho de gengibre e ovo de codorna. Já na seção dos Makimonos, servidos com seis ou 10 peças, as sugestões são: Tuna Spicy – tartar de atum, óleo de gergelim e cebolinha; Kinjo – camarão, salmão, queijo cremoso, limão e molho teriyaki; Quinoa – camarão bata, caranguejo, quinoa e togarashi; e o Fuji – cogumelos defumados, batata doce crocante e harusame.

Nas entradas quentes são boas pedidas: a Gyoza Buta – cerdo confitado, legumes e molho huancaín; o Kazan Shrimp – camarões crocantes com molho cremoso spicy e o Edahi – edamame com molho de amêndoas.

A casa também oferece opções de pratos principais – Tokusen – como o Kinjo Ramen – caldo grosso, feijão chinês, ovo e porco char siu; o Polvo Parrillero – polvo grelhado com chimichurri Nikkei, molho de pimenta amarela com arroz kinjo; e o Arroz Kinjo Trufado – arroz a wok com vegetais, camarão, lula e polvo trufado. Yakisobas, Taiwoks  e Yasais, em variados sabores, também estão entre as sugestões. 

De sobremesa, vale muito experimentar Tres Leches Nikkei – bolinho de laranja embebido em três leites com sorvete de gengibre.

O Kinjo é a quarta marca gastronômica do grupo de Espinoza na cidade, que também está à frente das casas do Lima Cocina Peruana (Botafogo, Laranjeiras, Tijuca e Niterói), Cantón (Copacabana), Chaco – Bar e Brasa (Tijuca) e Meat and Chili (Tijuca). O projeto do Kinjo é assinado por Lee Arquitectos, estúdio de arquitetura do Peru responsável pela elogiada identidade do Cantón – Peruvian & Chinese Food. Num ambiente colorido e bem decorado, há referências com os temas da brasa, do fogo. Concreto, madeira e ferro se fundem no projeto.

Kinjo – Rua Duvivier, 21 – loja A, Copacabana, Rio de Janeiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s