1ª edição do Gastronomia Sem Fronteiras apresenta uma viagem pela gastronomia sem sair do Rio

O Fashion Mall, que fica em São Conrado, zona sul carioca, sedia nos dias 8 e 9 de outubro o evento Gastronomia Sem Fronteiras , uma verdadeira viagem pela gastronomia sem sair do Rio de Janeiro. Em sua primeira edição, o evento conta com curadoria do chef Elia Schramm, que escolheu a dedo os chefs participantes para realizar um evento único que homenageia alguns países da Europa como Espanha, Portugal, França, Itália, Bélgica, além de México, Brasil e Japão, trazendo o que há de melhor na culinária de cada região. O time de peso escalado oferecerá pratos típicos de cada região com preços mais acessíveis.

Começando pela Itália, ninguém melhor do que o próprio Elia para apresentar a gastronomia italiana de seu restaurante Babbo Osteria. Já a Bélgica será representada pelo renomado chef Frederic de Mayer com o Frederic Epicerie. A França fica por conta do Ricardo Lapeyre, do premiado Escama. Chegando à Espanha, a chef Juliana Kegler aterriza com o Venga e sua culinária espanhola. Homenageando Portugal, o Barsa, do chef Marcelo Barcellos, apresenta suas receitas inspiradas na cozinha colonial. Já o chef Pedro Alberto Carvalho destaca seus deliciosos tacos do Dos Perros Tacos, simbolizando o México. Já o Brasil, será representado pela chef Bianca Barbosa com a comida popular brasileira do Kalango. Já o Jappa da Quitada estará presente com seus peixes frescos e uma culinária japonesa.

“O Gastronomia Sem Fronteiras é um encontro para celebrar a boa comida, reunir amigos e viajar “pelo mundo” sem sair do Rio. Nossa primeira edição busca equilibrar nomes mais conhecidos da gastronomia carioca e novos players do mercado. Cada chef/restaurante selecionado a dedo por mim representando os países foi o ponto de partida para o processo de curadoria.”, diz chef empresário Elia Schramm.

Durante o evento, quem irá homenagear o Rio será o premiado quiosque QuiQui, também localizado em São Conrado, que ganhará um espaço exclusivo com as delícias assinadas pelo chef Francisco Nobrega (Zezinho) que fazem sucesso no cardápio da casa.

Serão dois dias com mais de 20h de experiências gastronômicas e culturais, com diversas atividades, palestras, debates e muita música. O evento terá ainda uma feira com pequenos produtores típicos de todo o país com marcas como: Vale das Palmeiras, Zuca Salumeria, Biscotteria, Dababi Delícias Veganas,  Alemão da Serra, Arte em Conservas e Dona Farofa.

Os apreciadores de uma boa música também vão curtir a programação do evento. No sábado, Rodrigo Santos – ex-baixista e cantor do Barão Vermelho, e a cantora mineira Marcella Fogaça, dividirão o palco animando o público. Já no domingo, será a vez das meninas do Samba que Elas Querem. O evento terá ainda DJ’s e recreação infantil.

Gastronomia Sem Fronteiras. Data: 08 e 09 de outubro de 2022 (sábado e domingo). Horário: 13h às 23h. Local: Rooftop Shopping Fashion Mall – Estr. da Gávea, 899 – São Conrado, Rio de Janeiro. Vendas pelo Ingresso Certo: R$ 20 (inteira)e R$ 10 (meia).

FamTour Céu e Mar apresenta experiência de staycation e visitas a pontos turísticos no Rio de Janeiro

Curtir os pontos turísticos e as opções de lazer da cidade onde você mora pode ser uma descoberta interessante. Morar no Rio de Janeiro significa passar por tantas vezes em frente a pontos famosos da cidade e muitas vezes nos damos conta de que falta visitar e conhecer alguns desses equipamentos turísticos ou culturais tão próximos.

Com a ideia de apresentar o Rio de Janeiro sob vários ângulos e o quanto a revitalizada região portuária da cidade fica tão próxima da zona sul, Rodrigo Barbosa Santiago, arquiteto de experiências do Hotel Bossa Nova Ipanema e organizador de eventos, convidou criadoras de conteúdo para o FamTour Céu e Mar. Essa foi uma experiência combinada, onde foi possível conhecer uma hospedagem moderna e de ótima localização na zona sul de onde partimos, e visita a dois importantes pontos turísticos e de lazer da cidade: o AquaRio e a YupStar. “O objetivo é simples: jogar luz e direcionar o olhar do morador da cidade que deseja realizar um staycation, do morador do estado a passar um final de semana na cidade visitando atrações que não conhece e estimulando o turista a explorar outras facetas do Rio, o incentivando a conhecer as iniciativas da região e a incluí-las no seu roteiro”, afirma Rodrigo.

A partir do hotel, onde foi servido um café da manhã para o nosso grupo, saímos com guia turístico da GrayLine rumo aos dois pontos de visitação. Ao longo do trajeto fomos conhecendo curiosidades, história de bairros e localidades cariocas, além de aspectos culturais do Rio.

No AquaRio tivemos um tour apresentado por bióloga da equipe. Com 26 mil m² de área construída e 4,5 milhões de litros de água, o AquaRio é o maior aquário marinho da América do Sul e tem mais de 2 mil animais, de 350 espécies diferentes em exposição. Uma das maiores atrações do AquaRio é o tanque principal – Tancão™ para os íntimos – que é o Recinto Oceânico. Com 3,5 milhões de litros de água, sete metros de pé-direito e um túnel passando por seu interior.

O passeio na YupStar fechou esse dia de experiência completa pela cidade. A 88 metros de altura podemos conferir imagens únicas e lindas da cidade maravilhosa, como a vista do Museu do Amanhã, o Cristo Redentor, a Baía de Guanabara e a orla do Rio. A roda gigante faz a volta completa em cerca de vinte minutos.

O passeio é uma experiência inesquecível para turistas e cariocas de todas as idades. Para mais informações, faça contato com o Hotel Bossa Nova Ipanema que realiza também a reserva de todas as atrações.

Hotel Bossa Nova Ipanema – Rua Bulhões de Carvalho, 337 Arpoador. Rio de Janeiro.

Gurumê apresenta novidades no cardápio

A rede Gurumê, no Rio de Janeiro, é referência quando se fala de culinária oriental com opções reinventadas e inovadoras. O restaurante apresenta novas entradas e pratos nesse início de primavera. Mistura de texturas, sabores e temperaturas são marcantes dentre as novidades do Gurumê .

São destaque no cardápio criações vegetarianas, com muita originalidade, como a entradinha de sushi crocante de pupunha. Outra opção já disponível nas unidades é o Combinado Vegetariano com 20 peças. A seleção vem sortida com 2 jyos de banana da terra, 2 sushis crocantes de pupunha, 5 nasu rolls, 5 tomato pesto rolls, 2 jyos de abobrinha, 2 sushis de tempura de milho e 2 temaris de shitake.

O chef Daiti Ieda garante que a ideia é que as sugestões agradem a todos os clientes do restaurante. “Já temos no cardápio algumas opções veganas, mas entendemos que tem muita gente que é somente vegetariana, e essas pessoas querem experimentar pratos com sabores diferenciados. Ou seja, querem ter mais camadas de sabor no prato. Por isso pensamos em ter um combinado vegetariano e, além de adicionar os produtos que encontramos no dia a dia para esse nicho, queríamos trazer alguns insumos com a cara do Brasil. O jyo de banana da terra, por exemplo, é um prato que podemos apresentar não só para esse público, mas também para qualquer outro cliente que goste de manter uma alimentação saudável e experimentar novos sabores”, ressalta o chef.

E uma dica nessa experiência é: prove mais de uma das sugestões de entradas. O Ajimi Guru, por exemplo, traz uma degustação oferecida em colheres com três tipos de tartare: peixe do dia com molho cítrico, mussarela de búfala e caviar; atum com molho yukke; e salmão, codorna, shoyo da casa e ra-yu. Outra das deliciosas opções é o Usui Pan com salmão gravlax, um pão árabe assado com azeite de ervas ao estilo de pizza branca. Na cobertura, lâminas de salmão marinado por seis horas em tempero especial, fatias de avocado, ovas de truta marinada, flor de sal, azeite e limão siciliano. Já o Tomorokoshi no Missô é um dos grandes diferenciais: milho doce assado com molho missô.

Na seleção de ‘duplas’, o Temari Salmão Ebiten está fazendo muito sucesso. É uma dupla de sushis de camarão empanada e recheada com cream cheese, envolvida em lâminas de salmão e finalizada com molho teriaki, mostarda dijon com kimuchi, cebolinha e ovas de massago.

Entre os pratos quentes, o Ramen de Porco (R$52) e o Nasi Goreng ( carne, frango ou camarão) são destaque dentre as novidades .

Para acompanhar essa experiência gastronômica não deixe de experimentar um ou mais coquetéis Gurumê. A carta tem drinks clássicos e autorais. Para o gran finale não deixe de pedir o tradicional toucinho do céu da casa e tomar um café expresso.

Gurumê – Gurumê Ipanema – Rua Aníbal de Mendonça, 132. Ipanema. Tel: (21) 3030-8235. /. Gurumê Fashion Mall – Estrada da Gávea, 889 – Fashion Mall – São Conrado. Tel: (21) 3030-8233 / Gurumê Rio Sul – Rua Lauro Muller, 116 – Shopping Rio Sul – Botafogo. Tel: (21) 3030-8234. /. Gurumê Tijuca – Avenida Maracanã, 987 – Shopping Tijuca. Tel (21) 3030-8232. /. Gurumê Barra – Avenida das Américas, 7777 – Rio Design Barra – Barra da Tijuca. Tel: (21) 3030-8231. /. Delivery: https://gurumedelivery.com.br/

Cristo Redentor é tema de livro que mostra a importância desse icônico ponto turístico do Rio

Livros destacam os 90 anos do monumento Cristo Redentor no Rio de Janeiro

O Cristo Redentor é muito mais do que um ponto turístico da cidade maravilhosa. É um ícone do Rio de Janeiro, uma obra arquitetônica referência no mundo, é um dos principais cartões postais da cidade e uma das Sete Maravilhas do mundo moderno. Inaugurado em 12 de outubro de 1931, o monumento Cristo Redentor tem vários simbolismos e encanta cariocas e turistas do mundo inteiro a partir de um dos pontos mais altos da cidade.

Uma obra literária apresenta a história do Cristo Redentor em artigos de acadêmicos e especialistas que relatam a dimensão teológica e a beleza do monumento. Dividida em 13 capítulos, a obra “O Cristo Redentor Universal” é fruto de uma parceria entre a Paulus Editora e a Editora PUC Rio, do Rio de Janeiro (RJ), por ocasião dos 90 anos do Santuário Cristo Redentor, comemorado em 2021.

O livro reúne artigos de acadêmicos e especialistas, como: Leonardo Agostini Fernandes, Gilvan Leite de Araújo, Heitor Carlos Santos Utrini, Cláudio Vianney Malzoni, Waldecir Gonzaga, Sérgio Albuquerque Damião, Ney de Souza, Antonio Manzatto, Konrad Körner, Francilaide de Queiroz Ronsi, Cesar Augusto Kuzma, Wilma Steagall De Tommaso, Pedro Siqueira. A obra conta ainda com o prefácio do cardeal Orani João Tempesta, Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro e Grão-chanceler da PUC-Rio.

De acordo com os organizadores, a estátua do Cristo Redentor possui, em sua história, em seu simbolismo e em sua localização, elementos que ainda não tinham sido abordados pela teologia em caráter sistemático. Por isso, a equipe convidou os autores e autoras a promover uma reflexão mais ampla e inédita sobre a representação. “O Cristo Redentor nos aponta para um caminho de subida, que se concretiza no crescimento de todas as pessoas. Essa viagem é uma peregrinação que nos convida sempre a renovar o desejo de buscar a Deus e de amar o próximo”, reflete Dom Orani.

As temáticas apresentadas na obra pretendem representar a riqueza multidisciplinar de capítulos inspirados nos textos do Antigo e do Novo Testamento, na história, na cristologia, na patrística, na espiritualidade, na escatologia, na ecoteologia, na estética, e na arte.

No ano passado outra obra literária foi lançada para também celebrar os 90 anos do Cristo Redentor, e foi a primeira obra da nova parceria editorial da Paulus. Junto ao Santuário Cristo Redentor, do Rio de Janeiro (RJ), a editora lançou “A espiritualidade do Cristo Redentor e as doze promessas do Sagrado Coração de Jesus”, que tem um conteúdo que remete as 12 promessas apresentadas por Jesus a Santa Margarida Maria Alacoque (1647-1690).

O Cristo Redentor Universal
Organizadores: Alexandre Carvalho Lima Pinheiro / André Luiz Rodrigues da Silva
Coeditor: Editora PUC-RIO
Acabamento: Brochura
Formato: 13.5 (larg) x 21 (alt)
Páginas: 344

ArtRio 2022 terá a sua 12ª edição do na Marina da Glória

ArtRio 2022 na Marina da Glória

A ArtRio é um convite para apreciar a produção artística nacional e a debater temas relevantes sobre arte, cultura, história, cenários e desafios. A 12a edição do evento acontece entre os dias 14 e 18 de setembro, na Marina da Glória, zona sul do Rio de Janeiro. A mostra é dividida entre os espaços TERRA, pavilhão central da Marina, e MAR, área da esplanada, a feira vai reunir mais de 60 galerias e 15 instituições ligadas a arte. Um dos pontos altos da feira é a série chamada Conversas ArtRio que reúne expoentes da arte brasileira, curadores e pensadores para discutir temas da atualidade.

A ArtRio segue fiel ao seu propósito de valorizar a arte brasileira e a produção dos artistas. Esse trabalho é um importante legado do evento, focando tanto na projeção internacional como na acessibilidade a um número maior de público no país. “Uma palavra define a ArtRio em 2022: celebração. Será uma edição marcada pela superação, resiliência, diversidade, criatividade e liberdade. Para valorizar ainda mais o trabalho e a presença das galerias e instituições presentes no evento, crescemos nosso espaço externo com uma construção temporária de três mil metros quadrados chamada MAR. Com a volta das viagens, teremos também a presença de muitos colecionadores brasileiros e também um grupo com mais de 40 colecionadores de outros países”, indica Brenda Valansi, presidente da ArtRio.

Brenda Valansi , presidente da ArtRio (crédito Bruno Ryfer; divulgação)

As galerias da ArtRio 2022 foram selecionadas pelo Comitê Curatorial, formado pelos galeristas Alexandre Roesler (Galeria Nara Roesler), Antonia Bergamin (diretora da Galeria Galatea), Filipe Masini e Eduardo Masini (Galeria Athena), Gustavo Rebello (Gustavo Rebello Arte), e Juliana Cintra (Silvia Cintra + Box 4).

Confira a programação das Conversas ArtRio:

Dia 15/09 – quinta-feira

16h – Arte e educação como ferramenta de transformações sociais

Uma conversa entre Andrea Hygino, Thelma Vilas Boas e Marina Sousa sobre as possibilidades e os desafios de educar além dos padrões e ferramentas tradicionais de educação. Como a arte, como obra ou ação ativa, pode somar, questionar e repensar na ampliação e potencialização das esferas educativas.

Mediação de Paula Borghi, co-idealizadora da Potência Ativa.

18h – Articulações artísticas para potencializar a vida

Um debate, que será mais uma troca e fomento de ideias, sobre como através da arte podemos atuar ativamente nas urgências do mundo. Como o mercado, somando ao papel subjetivo dos questionamentos levantados nos trabalhos e pesquisas artísticas, pode atuar efetivamente gerando recursos para iniciativas sociais que lutam na diminuição das desigualdades sociais.

Participam do debate Roched Sebá do Instituto Vida Livre, Paula Borghi e Gabriela Davies da Potência Ativa e a artista Laura Lima.

Dia 16/09 – sexta-feira

14h – Arte + Moda: algumas provocações 

Conversa com Erika Palomino e Vicenta Perrotta.

Identificando as relações entre os sistemas das artes e das modas, a jornalista e curadora Erika Palomino investiga os códigos da roupa como status cultural, objeto de culto e exposição em museus e galerias; examina o desfile como performance e a atuação de estilistas/artistas (ou vice-versa) no contemporâneo.

Vicenta Perrotta é estilista, costureira, arte educadora. É conhecida por produzir roupas e acessórios a partir de materiais de descarte da indústria têxtil, e transformá-las em novas peças, que dialogam, discutem e questionam o comportamento de consumo, principalmente o de moda. Trabalhando através da ressignificação de consumo, a artista desconstrói as questões de gênero nas roupas, como por exemplo o binarismo

16h – MAR na ArtRio

Conversa com Sandra Sérgio e Marcelo Campos, diretora e curador chefe do Museu de Arte do Rio, e o artista Emmanuel Nassar.

18h – Curador Ademar Britto conversa com os artistas do programa SOLO

Responsável pela curadoria da décima-primeira edição do SOLO, espaço expositivo da ArtRio 2022 que traz projetos originais dedicados a um único artista, Ademar Britto selecionou a dedo diferentes nomes da arte moderna e contemporânea que têm se destacado no cenário das artes, em diferentes fases de suas carreiras e com práticas diversas, resultando em um recorte autêntico e, principalmente, preocupado com a “formação de público e fruição cultural”.

Nesta conversa, o curador recebe os artistas Gabriel Giucci, JOTA, Elian Almeida e Maxwell Alexandre para uma troca sobre suas carreiras artísticas, referências, trajetórias e projeções.

Colecionador Ademar Britto, Médico, colecionador de arte e curador com formação em Estudos Curatoriais pela Escola de Artes Visuais do Parque Lage (Rio de Janeiro) e Node Center for Curatorial Studies (Berlim) – Responsável pela curadoria do SOLO (Programa que foca em projetos expositivos originais dedicados a um único artista), Ademar selecionou obras de nove artistas brasileiros, de diversas regiões do Brasil e com diferentes histórias de vida e de aprendizado de arte

Dia 17/09 – Sábado

14h – O Valor da obra de arte

Conversa com Ana Leticia Fialho, Angélica Moraes e mediação do editor Ronaldo Graça-Couto. 

16h – Conversa sobre Arte 

Conversa sobre Arte com a curadora do Museu de Arte Moderna – MAM Keyna Eleison e o artista Elian Almeida. 

18h – Artista negro, galerista branca

Conversa com o curador Igor Simões e a curadora do New Museum Vivian Croquett, com mediação de Nei Vargas, diretor da Aura Galeria.

A obra de Gervane de Paula “Artista Negro, Galerista Branca” instiga um debate sobre os processos decoloniais no mercado de arte. Observa-se crescente representação de artistas negras e negros em contradição ao exíguo número de galeristas negras e negros. Afinal, como avançar em posicionamentos assertivos? O que ainda pode e o que não pode mais ser tolerado nas relações assimétricas do mercado de arte?

Dia 18/09 – Domingo

14h – Exu nos museus e na Avenida

Os curadores Leonardo Antan e Marcelo Campos, junto com os artistas Leonardo Bora e Gabriel Haddad, carnavalescos dos Acadêmicos da Grande Rio, debaterão a presença das artes do carnaval e afro-religiosas no universo institucionalizado, a partir do desfile campeão do carnaval carioca de 2022, com o enredo “Fala, Majeté! Sete Chaves de Exu.” A apresentação foi um gesto político e espiritual, que se aliou a outras iniciativas que têm desconstruído estigmas coloniais e do racismo religioso. Sua repercussão abre espaço para a presença e a ausência da produção carnavalesca nas instituições artísticas e o olhar dado a cultura afro-brasileira nesse contexto.
 

16h – Lançamento filme “Relevos da Alma” e conversa com Paulo Sergio Duarte

O curta metragem “Relevos da Alma” é uma viagem poética sensorial pelos relevos e formas geométricas de Arthur Piza, gravurista brasileiro radicado em Paris. Sua busca para sair da superfície plana, criar e ressignificar o espaço contido da obra, subverteu materiais tradicionais além de incorporar objetos cotidianos à criação artística, gerando uma simplicidade sofisticada ímpar em sua produção. Para o artista, que considerava seu trabalho como uma composição musical, a improvisação era elemento intrínseco a seu processo de criação, ritmado pela batida do martelo no entalhe do cobre, sem padrões uniformes e repleto de surpresas. O filme é uma produção da Lumen Produções com a Mayu Filmes, direção e roteiro de Adriana Miranda e Nina Luz.
 

17h30 – Vamos juntas? Como a arte pode unir mulheres

Uma conversa entre Anna Costa e Silva e Nanda Feliz sobre o aprisionamento de mulheres em rótulos, limitações e diagnósticos, sejam eles médicos ou não. E como através de trabalhos de arte é possível elaborar essas vivências e atuar coletivamente para mudanças práticas na sociedade. Anna e Nanda vão dividir com o público a experiência da produção do filme “Por favor leiam para que eu descanse em paz”, que tem como início uma carta da avó de Nanda encontrada na ocasião do seu falecimento e, a partir de uma chamada aberta, apresenta o relato de diversas mulheres sobre suas histórias pessoais de opressão e loucura. A conversa será mediada por Maíra Marques, da Potência Ativa.

ARTRIO 2022 – 15 a 18 de setembro (quinta-feira a domingo). Ingressos pelo site: R$ 80 / R$ 40. Horário: 14 de setembro — Preview das 13h às 21h / 15 a 17 de setembro — das 13h às 21h/ 18 de setembro — das 12h às 20h. Local: Marina da Glória – Av. Infante Dom Henrique, S/N — Glória. Estacionamento no local, sujeito a lotação. Metrô: Estação Glória.

Juliette Bistrô Art Déco inaugura unidade na Barra da Tijuca

Juliette bistrô no Casa Shopping ( RJ)

O Juliette Bistrô Art Déco ganha nova unidade no Rio de Janeiro. A casa que teve sua primeira loja inaugurada em abril de 2021, no Shopping Rio Design Leblon, abre no CasaShopping a sua terceira unidade, seguindo a trilha do sucesso das casas no Leblon e em Niterói.  Criado pela restauratrice Sálua Bueno, o Juliette foi inspirado nos bistrôs das principais capitais gastronômicas, como Nova Iorque, Londres, Berlim, Paris e Lyon.

O novo restaurante é um charme e muito aconchegante, possui uma área interna intimista e bem decorada, além de uma área externa com muita luz natural, que conta com um bar art déco. Ao todo, a casa acomoda 70 pessoas e sua área externa é um dos grandes diferenciais.

“A ligação com a arquitetura e o design fazem do CasaShopping o lugar perfeito para receber a nova unidade do Juliette, com arquitetura especial, inspirada no estilo art déco. Acredito que nosso público, formado na sua maioria por arquitetos e pessoas interessadas em arquitetura e design, vão apreciar o Juliette”, comenta a restauratrice Sálua Bueno. 

A nova unidade é a primeira franquia do Juliette Bistrô Art Déco que tem como franqueados a arquiteta Ana Paula Corsi, que assina o projeto das lojas do Juliette Bistrô desde a sua primeira unidade, e o empresário Felipe Cunha.

A gastronomia de bistrô é também um charme. Os nomes dos pratos são dedicados a construções no estilo Art Déco, especialmente de Paris, Nova Iorque e Rio de Janeiro.

São destaque como entrada o Rockefeller Center, uma tartine de focaccia de fermentação lenta feita com presunto de parma com geleia de abacaxi, e o Chrysler Building, uma tradicional sopa de cebola com focaccia de fermentação lenta em cubos e gratinada ao Gruyère. Nos pratos principais, sugestões como o Hotel Leblon – linguine ao creme mascarpone, Marsala e cogumelos frescos, com camarões VM à Provençal); Castel Béranger – risoni ao molho funghi com mascarpone, Marsala e cogumelos frescos e Luxor Cinema – camarões VM com risoto de arroz negro e vinagrete do Algarve. Já nas sobremesas, o Edifício Guahy, um famoso prédio Art Déco em Copacabana, chama a atenção: creme brûlée Juliette com raspas de laranja e Cointreau.

Juliette Bistrô Art Déco: Av. Ayrton Senna, 2150 – Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – Bloco D, loja E (Casa Shopping). Horário de funcionamento: domingo a quinta-feira, das 12h às 22h; sexta-feira e sábado, das 12h às 23h.

Primeira edição da Expo Rio Cervejeiro apresenta cervejarias do interior do estado

Expo Rio Cervejeiro ( foto divulgação)

O Rio de Janeiro recebe a primeira edição da Expo Rio Cervejeiro, que acontece nos dias 16, 17 e 18 de setembro, das 14h às 22h, na Praça Paris, na Glória ( zona sul carioca). O evento, que conta com a curadoria de Leonardo Botto, referência no assunto, visa fortalecer o mercado cervejeiro do Rio de Janeiro, em sua maioria com cervejarias de pequeno e médio porte do interior do estado.

A Expo Rio Cervejeiro terá entrada social, mediante a entrega de 1kg de alimento não perecível.

O evento vai contar com uma série de atrações, como intervenções culturais; espaço kids; palestras com grandes nomes do mundo cervejeiro como José Padilha, Pedro Landim, Gustavo Renha, Teresa Yoshiko, Gil Lebre, Andrezza Piccoli, Marco Falcone e Ingrid Matos, além e talk show de Leonardo Botto falando sobre a história da cerveja no mundo e sua trajetória no Rio de Janeiro. “O evento resgata e traz à tona o papel de vanguarda do Rio de Janeiro na história da cerveja no Brasil, desde a chegada da Família Real em 1808, passando pelas primeiras cervejarias criadas por colonos alemães, até os dias de hoje, com a criação da AcervA (Associação dos Cervejeiros Artesanais Caseiros do Rio de Janeiro)”, explica Botto.

A primeira edição do evento terá 60 stands de cervejarias, sendo 16 da capital e 44 do interior do estado; palcos para realização de dois shows por dia; 26 operações de alimentação. Dentre os espaços gastronômicos do evento estão: Jimmy Ogro, Adega do Pimenta, Las Empanadas, Charcutaria 253, Ava Culinária Vegana, Coisas do Nordeste, entre outros; além de tendas com parceiros, onde cervejeiros caseiros da AcervA e das 19 confrarias cervejeiras do estado farão brassagens ao vivo com uma palestra show explicando técnicas básicas de produção artesanal.

Expo Rio Cervejeiro: 16, 17 e 18 de setembro. Local: Praça Paris, Glória. Horário: das 14h às 22h. Entrada social: mediante a entrega de 1kg de alimento não perecível.

PARQUE BONDINHO PÃO DE AÇÚCAR APRESENTA ‘UMUSIC PLAY IN RIO’

Parque Bondinho e o Teleférico Pão de Açúcar ( RJ)

O Rio de Janeiro está em semana de festival e de feriado, e até o dia 11 de setembro o Parque Bondinho Pão de Açúcar, em parceria com a Universal Music, promove o projeto ‘UMusic Play in Rio’, com uma programação especial em um dos cenários mais lindos do Brasil e do mundo.

Espaços interativos, aulões de dança e shows musicais são destaque nesse evento. Áreas instagramáveis trazem como destaque artistas do pop e rock mundial, como: BLACKPINK, Demi Lovato, Justin Bieber, Lady Gaga, Metallica, Olivia Rodrigo e The Rolling Stones.

Os sunset pockets shows são exclusivos de quatro artistas brasileiros. No dia 5 de setembro, a cantora Carol Biazin abre os trabalhos com uma performance eletrizante, seguida pelo grupo Maneva (dia 6) e pelo cantor Bryan Behr (dia 7). E, para fechar em grande estilo, Guga Nandes (dia 8). Após todas as apresentações, haverá um after comandado pelo duo HITMAKER.

Nos últimos dias do evento ( até 8 de setembro) uma sósia de Lady Gaga estará desfilando e tirando fotos com visitantes no Parque Bondinho.

Para curtir a experiência do evento, turistas e cariocas podem aproveitar para visitar todo espaço do parque. Desde o passeio no teleférico, até as trilhas e em vários espaços com a história dos bondinhos é possível admirar ângulos encantadores da cidade maravilhosa. O passeio no Parque Bondinho é um passeio marcante e inesquecível para todas as idades.

Parque Bondinho Pão de Açúcar: Avenida Pasteur, nº 520 – Urca – Rio de Janeiro. Telefone: (21) 2546-8433. Evento UMusic Play in Rio até 11/09, das 8h30 às 20h30.

Concha y Toro lança The Cellar Collection: vinhos originados de prestigiados terroirs

Vinhos selecionados e de qualidade excepcional. A Concha y Toro, um dos maiores grupos vitivinícolas do mundo, visando destacar vinhos excepcionais de prestigiados terroirs do Novo Mundo, lançou uma seleção especial. Os cinco rótulos foram apresentados no Rio de Janeiro numa masterclass dentro do evento Rio Wine and Food Festival. A aula e todas as informações dos produtos foram destacadas por Pietro Capuzzi, diretor de marketing da Concha y Toro, e pelo sommelier Gianni Tartari, e foi apresentada com uma degustação dirigida.

The Cellar Collection é uma seleção de vinhos de antigas e atuais safras, com alta pontuação  junto à crítica mundial como Wine Spectator,  Descorchados, Tim Atkin, James Suckling e Robert Parker. Liderada por Isabel Guilisasti, vice-presidenta de Vinhos Finos e Imagem Corporativa, e da família de proprietários da Concha Y Toro, The Cellar Collection conta com o respaldo dos enólogos da Viña, Marcelo Papa, Marcio Ramírez e Isabel Mitarakis- cada um contribuindo com sua experiência em diferentes terroirs e cepas. Vídeos sobre o trabalho desses enólogos e imagens incríveis das regiões foram apresentadas na masterclass exclusiva da Concha y Toro.

Na seleção os rótulos Amelia, Carmín de Peumo, Gravas e Terrunyo são originários do Chile e todos têm produção limitada. São provenientes de terroirs tradicionais como o vinhedo Quebrada Seca, no vale do Limarí, que conta com condições propícias para as variedades Chardonnay e Pinot Noir, seguido do vinhedo Los Boldos, no vale de Casablanca, e do vinhedo Peumo, no vale do Cachapoal, um dos mais antigos da Concha Y Toro, que data de 1885, e é muito conhecido por suas características favoráveis à produção de tintos com a Carménère. A isto se soma o vinhedo de Puente Alto, no vale de Maipo, um dos melhores terroirs do mundo para dar vida ao Cabernet Sauvignon; os vinhedos Pirque Viejo e Quinta de Maipo, no vale do Maipo; e o vinhedo Quitralmán, no vale do Bío –Bío. Com este exclusivo portfolio a Concha y Toro preserva a identidade de cada um dos vinhos que compõem The Cellar Collection e promove algumas das mais tradicionais origens do Novo Mundo, onde produz vinhos reconhecidos mundialmente.

Conheça mais sobre os premiados rótulos dessa coleção privada da Concha y Toro, The Cellar Collection, com uvas cultivadas no Chile.

Carmín de Peumo é o primeiro e icônico Carmenere do Chile, foi lançado no mercado em 2006. Sua primeira colheita foi efetuada em 2003 e já acumula outras   12 safras, que são efetuadas única e exclusivamente quando as condições da fruta são excepcionais. A qualidade marcante de Carmín de Peumo vem de um lugar específico: a parcela 32 da vinha Peumo, localizada no vale de Cachapoal. É uma das vinhas mais antigas da empresa, datando de 1885. A vinha de Peumo é um local naturalmente protegido, localizado a 170 metros acima do nível do mar. Seus solos são profundos, franco-argilosos, de origem aluvial . Marcio Ramírez é o enólogo-chefe de Carmín de Peumo. Sua larga experiência e carreira a cargo do Carmenere da vinha, levaram-no a ser um especialista da casta e a liderar a adega Cachapoal, no vale do Rapel, onde são produzidos todos os Carmenere da Concha y Toro..

Gravas nasceu em 2007 após uma busca rigorosa do enólogo Enrique Tirado, para encontrar o melhor terroir para a elaboração de um vinho Syrah de alto padrão que expressasse toda a  elegância desta casta, sendo os solos do Alto Vale Maipo, moldados pelo rio Maipo e pela cordilheira dos Andes, os que ofereciam as condições e o equilíbrio natural que Tirado buscava.Seis anos depois, no espírito de continuar a explorar o melhor terroir do Chile para produzir vinhos de alto padrão, um vinho foi adicionados ao portfólio: um Cabernet Sauvignon, feito com uvas do terroir Puente Alto, no Vale do Maipo. Em 2019, a enóloga Isabel Mitarakis assumiu a linha, depois de ter trabalhado durante seis anos com Enrique Tirado na equipe enológica encarregada da produção de Don Melchor. Os vinhedos de Gravas têm a particularidade de possuir um profundo caráter andino, fortemente influenciados tanto pela cordilheira dos Andes, como pelos rios Maipo e Bío-Bío.

Amelia possui dois vinhos que expressam as características marcantes do Vale do Limarí, localizado no extremo norte do Chile, às portas do Deserto do Atacama. A Concha y Toro adquiriu os primeiros vinhedos nesta área em 2005, que desponta como a melhor origem do país para a produção de Chardonnay e Pinot Noir de alto padrão. Ambas as castas, originárias da vinha Quebrada Seca, são influenciadas pela proximidade do Oceano Pacífico que faz com que sua brisa refresque a vinha, favorecendo a sua ventilação. Marcelo Papa, enólogo e diretor técnico da Concha y Toro, liderou a reinvenção de Amelia em 2018, transferindo sua origem para o vale do Limarí e adicionando a variedade Pinot Noir ao portfólio.No ano seguinte, 2019, foi eleito “Enólogo do Ano” pelo proeminente crítico inglês Tim Atkin, consolidando-se como um dos enólogos de maior prestígio na cena vitivinícola chilena.

No ano 2000, a Concha y Toro lançou Terrunyo, linha com a qual desenvolve um novo conceito enológico baseado na filosofia do terroir, que consiste em identificar na vinha o local que melhor expressa a tipicidade da casta plantada. O portfólio iniciou com as variedades Carmenere e Cabernet Sauvignon. A vinha Pirque Viejo, plantada no final do século XIX, é uma das mais antigas da Concha y Toro. Este terroir possui características extraordinárias para o cultivo de Cabernet Sauvignon, graças a uma combinação de solo, clima e uma forte oscilação térmica entre o dia e a noite. Peumo é também uma das primeiras vinhas da Concha y Toro. Carmenere é cultivado ali há mais de 100 anos e atualmente é considerado o melhor terroir para o cultivo desta variedade no país. Já o Vale do Casablanca liderou o desenvolvimento da Sauvignon Blanc no Chile graças à influência marítima do Oceano Pacífico que modera seu clima, favorecendo a produção de vinhos frescos com excelente acidez. No Chile, Marcio Ramírez, enólogo que trabalha com a Concha y Toro desde 1997, é o responsável pela linha Terrunyo.

CASA MARAMBAIA PROMOVE AULAS DE GASTRONOMIA EM PARCERIA COM LE CORDON BLEU

Casa Marambaia em Corrêas, Petrópolis (RJ)

Hotel-boutique e restaurante na Serra Fluminense, a Casa Marambaia é referência em gastronomia e reconhecida pela qualidade dos cardápios assinados pela dupla de chefs franceses Roland Villard e David Mansaud. O local é palco de jantares imperiais, chás da tarde, feijoadas e alguns eventos especiais. Reforçando essa vocação, a Casa se uniu à unidade carioca da renomada instituição de gastronomia francesa Le Cordon Bleu para levar a Petrópolis aulas de culinária com toda a tradição, sofisticação e técnica que a cozinha do país europeu representa.

Com início em setembro, quatro edições da experiência serão realizadas até o fim de 2022. Os encontros serão mensais e acontecerão sempre das 13h às 16h, no espaço do hotel conhecido como Cooking Class.

As aulas-almoços contam com um chef de cuisine e um chef pâtissier da Le Cordon Bleu e um ajudante de cozinha da Casa Marambaia. Os inscritos participam de uma aula demonstrativa – na qual os chefs explicam e executam as receitas – e têm a oportunidade de assistir a preparação e montagem dos pratos principais. A cada encontro, um menu diferente é montado, e os alunos podem interagir com os chefs, tirar dúvidas e colaborar com comentários. Ao final, todos degustam a receita preparada, além de entradas e sobremesas da Casa Marambaia finalizadas pelos chefs durante a aula. A experiência também inclui bebidas não alcoólicas (refrigerantes, sucos e água). 

Os menus da parceria têm inspiração franco-brasileira. “A nossa intenção é somar dois conceitos fortes em culinária: Casa Marambaia e Le Cordon Bleu. Também queremos proporcionar uma nova experiência gastronômica na Casa Marambaia, onde nossos hóspedes ou grupos de amigos possam passar bons momentos em volta da mesa”, comenta o chef David Mansaud, responsável por todo o conceito gastronômico do hotel-boutique ao lado de Roland Villard. 

Confira a programação: 10 de setembro: Tournedos ao molho poivre e purê Robuchon; 08 de outubro: Vieras ou linguado à Bonne Femme e batata Duchesse; 12 de novembro: Bouef Bourguignon, batatas e cenouras glaceadas; e 10 de dezembro: Carré de cordeiro em crosta de ervas, ratatouille da horta.

Casa Marambaia e Le Cordon Bleu: 10 de setembro, 08 de outubro, 12 de novembro e 10 de dezembro (sábados), das 13h às 16h – R$ 500 (+10%) por pessoa, no Espaço Cooking Class, na Casa Marambaia.

Casa Marambaia – R. Dr. Agostinho Goulão, 2.098 – Corrêas, Petrópolis (RJ). Reservas: (24) 2236-3650 | (24) 99974-7608.